segunda-feira, 6 de abril de 2009

F1: Diluvio encerra corrida antes do fim e Button leva novamente...

...chuva faz com que o resultado final ficasse quase que deturpado, em mais uma palhaçada de Ecclestone...

Teve quem falou que era tragédia anunciada, outros que acharam que era exagero, entre eles eu, que podia ser que a chuva viesse a cair, ou não, mas talvez ninguem esperava que ela fosse cair com tanta violência, a ponto dos carros da F1 fazerem uma curva aberta a uns 40km/h e rodar assim mesmo, como Heidfeld rodou antes da interrupção...

Foi um festival de entra e sai dos pits, entra e continua com pneu seco, outros ja arriscaram pneu de chuva, outros intermediarios, ai voltava pro pit um e botava de chuva, voltava no pit o que botou de chuva e colocava intermediário, depois o que botou intermediário, voltava com de chuva, e outro de intermediário torcia era pra que a corrida fosse interrompida...

...como Glock torceu e foi interrompida...

...porem ate ser interrompida, foi um festival de rodadas, como Vettel rodou e abandonou por apagão do carro, Alonso ia atolando na brita mas conseguiu levar pra grama e voltou, Heidfeld como falei, rodou praticamente se arrastando na pista, estava impraticável fazer uma corrida assim...

...a ponto de se falar que se o Safity Car entrasse na corrida, ele ganharia, por conseguir andar naquele dilúvio... e ganharia mesmo...

O resultado final foi injusto? Não diria que foi, mas foi feito na base da sorte, foi "feito na doida" como diriamos aqui em Recife, mas até a chuva, viamos outra belíssima corrida, com mais ultrapassagens ainda do que vimos em Melbourne, eram tantas que a transmissão da TV se perdeu, quando mostrava o replay de uma entre dois pilotos, os mesmos ja haviam trocado outras duas ultrapassagens entre si depois daquela, a F1 se desacostumou a ter tantas assim...

...ultrapassagens lindas, umas por fora, outras dando "X", umas em seguida curva a curva, enfim, de fato o novo regulamento aerodinâmico, e tambem o KERS, trouxeram a F1 de volta ao mundo das ultrapassagens, enfim, estamos vendo uma F1 como antigamente, com brigas o tempo todo e decretando o fim da "fila indiana", finalmente a F1 acertou, levou mais de uma decada, mas acertou...

E deu Brawn novamente, deu Button novamente, pra quem na sua ja longa carreira na F1, onde só tinha ate o ano passado uma unica vitória, em 2006 ainda pela BAR, antes de se tornar Honda e afundar de vez o time e ele junto, conquistar duas vitórias, seguidas e sendo as duas primeiras do ano é de se aplaudir, claro que com uma imensa dose de sorte pois pelo ritmo de Kubica na Australia, Button não seguraria talvez e na chuva intensa, sabemos que Button não é nenhum magico, diferente de Barrichello...

...alias, Kubica ontem conseguiu ter uma largada muito pior do que a que Barrichello teve em Melbourne, a ponto de cair pra ultimo, mas tambem não foi sua culpa aparentemente... e nem acredito que tenha sido... pior do que isso foi logo depois abandonar com problemas no carro...

...pior ainda pra Kovalainen, que conseguiu errar sozinho na primeira volta e novamente abandona a corrida nela, ao menos em Melbourne ele completou a primeira, mesmo que nos boxes onde levou o carro direto pra garagem, se continuar assim, é demissão a vista e aponto Rosberg pra vaga, embora este esteja finalmente andando tudo que pode na Williams e não sei se seria liberado assim facil por Frank Williams, ainda mais agora, veremos...

Heidfeld fez mais uma corrida a "La Gasparzinho", ninguem viu ele, ninguem deu atenção e quando foram olhar a classificação, viram que ele terminou em segundo, só notaram ele rodando sozinho quase parado de tão lento quando passou no rio feito em uma das curvas, uma prova do quanto o resultado final foi feito na base da sorte...

...Glock foi outro sortudo, botou pneus intermediários no momento certo e quando o negocio apertou de vez, segurou a onda e esperou a corrida ser interrompida, mas com aqueles pneus, se tivessem dado mais uma volta, nem sei se ficaria sequer nos pontos...

Trulli novamente mostrou competência e se postou entre os primeiros, perto do companheiro sortudo, e claro, teve tambem sua dose de sorte igual. Barrichello pra mim um dos grandes prejudicados no resultado final, tinha tudo pra ficar no minimo em segundo e com a chuva a toda, faria valer seu imenso talento em pisas molhadas podendo até vencer, caso a chuva não tivesse sido tão forte a ponto de interromper a corrida...

Webber segurou as pontas e se manteve entre os primeiros, chegando em 6th, Hamilton foi outro que acabou tendo sorte e terminou em 7th, agora sim, marcando seus primeiros pontos, e parece ter ficado bem caladinho depois, pra não ter risco de mentir. Rosberg, outro prejudicado pela chuva só ficou em 8th marcando um mísero e até injusto ponto, pois merecia mais...

E a Ferrari... Massa só 9th e olhe que a chuva até o ajudou, senão teria sido pior, é evidente que a Ferrari esta perdida e o carro é ruim, não tem ritmo de corrida pra vencer, só pontuar e olhe la se pegar podio, tanto ela quanto Mclaren estão completamente perdidas no novo regulamento aerodinâmico...

...o pior foi Raikkonen só 14th, mas mostrando seu lado "Tou nem ai", pois quando a corrida foi interrompida e a maioria dos pilotos saiu do carro, ninguem via Kimi, quando foram achar uma imagem dele, estava bem sequinho, de camisa, bermudão de turista na praia, chinelão, boné e pegando um picolé esperto na geladeira, só não ofereceu pra camera porque ela estava longe, numa atitude bem Raikkonen de ser mesmo...

Renault foi outra perdida no meio do diluvio, Alonso só 11th e Nelsinho 13th, até me surpreendi com Nelsinho não ter feito besteira no diluvio, embora antes dele, Alonso estava la na frente e Nelsinho...

Pra mim o maior prejudicado na corrida foi Vettel, vinha fazendo novamente uma linda corrida disputando sempre os primeiros lugares, porem no diluvio acabou rodando, como quase todo mundo, só que seu motor apagou e não conseguiu mais religá-lo, uma tremenda injustiça...

Ha quem va dizer "chuva não pode ser culpada de nada, ela simplismente acontece", ok, e de fato, a chuva não foi culpada de nada ontem, pela corrida ser interrompida com somente 31 voltas das 56 previstas, a culpa é totalmente e exclusiva de Bernie Ecclestone, que fez mais uma das suas. Será possivel que NINGUEM o informou que SEMPRE se chove daquele jeito ou perto daquilo naquele horario da corrida? Mais ainda, e se a corrida por qualquer problema que houvesse, tivesse que ser encerrada no limite de tempo de 2 horas, haveria visibilidade natural, ou seja, luz do Sol que garantisse visibilidade aos pilotos? NÃO, então como que porra Ecclestone coloca essa corrida no horario que colocou, 17h locais sabendo que ela poderia numa eventual situação as 19h locais, ja ficando escuro?

Quer dizer, MAIS uma vez Bernie Ecclestone só enxergou o dinheiro na sua frente e não pensou no esporte, fez tudo isso, pros europeus verem confortavelmente a corrida as 10h da manhã ou 11h dependendo do fuso, agora, pra que? Que se colocasse como era, de 16h locais da Malásia, ficando assim as 9h locais da Europa? Qual o problema? Nós aqui da America vemos quase todas as corridas de 9h da manhã do Domingo sem problema algum...

Mais uma mancada de Ecclestone, mais uma, mais uma razão pra mostrar quanto ele esta fragilizado a frente da F1, mesmo tendo acertado e muito no novo pacote aerodinâmico, na redução de custos e tudo mais, porem peca nessas decisões unilaterais que toma e lógico que ele não vai aceitar o erro, assumi-lo e nem nada disso, vai simplismente anunciar um novo horario, um horario adequado e fingir que nada aconteceu, afinal, "ele não erra"...

Daqui a duas semanas, teremos o GP da China, este disputado as 15h locais e sem problemas de visibilidade deste tipo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blog produzido por: Thiers - Recife - PE - Brasil - 2014